quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Fora do Eixo ganha Prêmio Trip Transformadores


Em agosto desse ano a Revista Trip, da editora de mesmo nome, anunciou os 14 homenageados ao Prêmio Trip Transformadores e entre eles está o Circuito Fora do Eixo, representado por Pablo Capilé, um dos gestores da rede.

O troféu já passou pelas mãos de profissionais como Fernando Meirelles, Romário, Ivaldo Betazzo, Sidarta, Marcos Palmeira, Hermano Vianna, Monja Cohen e Tia Dag sempre na missão de homenagear realizadores que de alguma forma se desafiaram a mudar a realidade do meio em que vivem, através de projetos sociais e iniciativas inovadoras.

A reunião desses protagonistas invoca em seus homenageados, convidados e observadores o sentimento de união, além de provocar a certeza de que é possível fazer mais, principalmente se estivermos juntos. Como resultado em 04 anos, a iniciativa já tem grande importância e é reconhecida no ramo editorial.

domingo, 21 de agosto de 2011

Estamos migrando!

Como já deve ter percebido, nossas atualizações diminuíram drasticamente. Mas tudo tem um porquê!
Estamos trabalhando em um novo site para você, muito mais dinâmico e informativo.

Aguarde novidades, enquanto isso acompanhe nossas redes sociais:
Twitter
Facebook

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Último dia do Gramophone

Assistam ao vídeo do último dia do Festival Gramophone, Bnegão, ocupação Hip Hop e muito mais... Muito bom para matar a saudade!

terça-feira, 9 de agosto de 2011

Espetáculo Família Trololota

Mais uma peça teatral da CIA.Teatral Arte Cínica, Família Trololota será apresentada hoje, às 20h com ingressos à R$ 3,00.

domingo, 7 de agosto de 2011

Exposição RE*Design

Foi inaugurada na última sexta-feira a exposição do artista setelagoano Adão Moreira. A exposição conta com esculturas que abraçam a causa da inclusão social através de reaproveitamento de refugos e rejeitos sólidos, como metal e madeira.

A exposição RE*Design fica até o dia 30 na Galeria Myralda, tem entrada gratuita e está localizada ao lado da Casa da Cultura, no entorno da Lagoa Paulino.

Confira algumas fotos da exposição





Fotos por Galeria Myralda

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

CMFI lança edital de vivência


Com o intuito de ampliar o quadro colaborativo de cada coletivo, estimular agentes da rede e realizar a cobertura colaborativa e o documentário dos festivais, o Centro Multimídia propôs realizar um edital de vivência para os 10 festivais do CMFI que ainda irão acontecer.

Serão dois agentes por cada rota traçada e um gestor do Centro Multimídia FEM acompanhando esse trabalho. Os inscritos passarão participarão de parte da produção do festival, ministrarão, junto com o gestor do Centro Multimídia, uma oficina de midialivrismo e ainda será responsável pela cobertura colaborativa do festival. A seleção será feita através de uma curadoria e, depois de selecionados, serão avisados sobre suas tarefas.

Saiba como participar aqui.

terça-feira, 26 de julho de 2011

Promoção da Revista Ragga para o Festival Gramophone


A Revista Ragga fez uma matéria sobre o Festival Gramophone e está sorteando passaportes e CDs do festival.
Para concorrer siga o Twitter da revista (@revistaragga) e dê RT na seguinte mensagem:  "Quero faturar passaportes para o Festival Gramophone, e ainda levar um CD pra casa! Siga e dê RT"

Portanto, se quer garantir o final de semana sem custos e ainda ganhar um CD participe!!!

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Abertas as inscrições para oficinas no Festival Gramophone

O Festival Gramophone ofertará 4 oficinas que visam a formação dos setelagoanos e o desenvolvimento de uma cena cultural fortalecida na cidade.

Para se inscrever preencha este formulário.

Saiba mais sobre as oficinas ofertadas: 

Oficina Elaboração de Projetos Culturais:
Quinta e sexta, 28 e 29;07 - das 19 às 22h
Ministrante: Roberta Henriques Brito
A oficina visa desenvolver habilidades básicas para elaborar projetos com linguagem adequada e coerência. O conteúdo será trabalhado a partir dos edital da Lei Estadual de Incentivo à Cultura do Estado de Minas Gerais. Espera-se que o participante compreenda os conceitos básicos na elaboração de projetos, entenda as particularidades de editais, construa planilhas e desenvolva linguagem objetiva.
Vagas: 20
Público alvo: Produtores e artistas que querem transformar suas ideias em projetos

Oficina Midialivrismo:
Quinta e sexta, 28 e 29;07 - das 19 às 22h
Ministrantes: Centro Multimídia Fora do Eixo Minas
Com o intuito de formar agentes de comunicação livre e multiplicar o pensamento de trabalho colaborativo e interdisciplinar nas áreas de comunicação, a oficina está focada em planejamento e execução de cobertura de eventos seja em texto, vídeo, foto e novas mídias, com abordagem principalmente voltada para internet. A oficina busca passar conhecimento com uma linguagem simplificada e ferramentas acessíveis, além de discutir os conceitos envolvidos na forma de trabalho do Centro Multimídia, como o Cidadão Multimídia e o Repórter Multimídia.
Vagas: 20
Público alvo: Estudantes de comunicação social ou interessados pelo assunto. Produtores de conteúdo multimídia

Oficina Cultura Hip Hop
Sábado, 30/07 - 13 às 17h
Ministrantes: Lorenzo, Beto e Rey
A cultura Hip Hop desde quando surgiu até os dias de hoje. Aulas especiais de break, MC e graffiti
Vagas: 40
Público alvo: Interessados em conhecer a cultura Hip Hop

Técnicas de canto e corpo para o palco
Quarta-feira, 27/07: 10 às 13h e 14 às 17h; Quinta-feira, 28/07: 10 às 13h
Ministrante: Marina Machado
Depois de 20 anos de carreira musical, Marina sente a necessidade de dividir com novos artistas a experiência profissional, passar um pouco dessa formação que adquiriu com anos de estudo, preparação para espetáculos, shows, CDs e DVDs e discutir sobre o mercado, onde queremos chegar, nossos objetivos, desejos e desafios em construir uma carreira longa.
Vagas: 20
Público alvo: Cantores e músicos que tenham curiosidade em relação à postura de um artista no palco

Nasce o Fora do Eixo Letras em Sete Lagoas

Depois da participação de Warley Cardoso e Ricardo Aquino durante a Invernada Cultural com as suas instalações poéticas o Colcheia percebeu que a literatura é um ponto que deve ser mais uma de nossas prioridades. Já começamos a desenvolver um projeto para o Festival Gramophone mas queremos ir além de projetos isolados e desconexos.

Depois de um convite, e alguma insistência, Warley aceitou ir ao Congresso Fora do Eixo Minas, que está rolando em Sabará durante essa semana. Lá estão reunidos agentes dos 16 pontos de articulação FDE em Minas Gerais e ainda alguns representantes do Ponto de Articulação Nacional, que podem dar um panorama mais completo do que está acontecendo no Brasil.

Warley chegou sozinho, sem conhecer ninguém e já caiu no dia em que aconteceria o Sarau, momento mais que propício para interagir e mostrar que estava presente e representando o Colcheia. Recitou algumas poesias e a conversou com mais algumas pessoas.

Pronto! Acaba de nascer, ali, um núcleo do Fora do Eixo Letras no Colcheia. Portanto aguardem que muita coisa boa vem por aí. E leiam o excelente e lindo relato da participação de Warley no Congresso FEM.

segunda-feira, 18 de julho de 2011

[Oportunidade] Programa Música Minas abre Edital de Circulação Estadual no CMFI


O Programa Música Minas em parceria com o Circuito Mineiro de Festivais Independentes abre vagas para 15 artistas/grupos se apresentarem em festivais independentes produzidos por coletivos do Fora do Eixo Minas, por meio de Edital público.

São 12 cidades, 12 festivais e a maior rota do cenário independente de Minas. O Circuito Mineiro de Festivais Independentes, ou CMFI, como é conhecido, é a plataforma que aproxima os processos de gestão e produção dos festivais independentes mineiros, com o intuito de promover a circulação de artistas, fomentar os cenários locais e difundir a cultura paralela aos mecanismos de massa, formando público e agentes culturais pelo Estado.

O calendário 2011 do circuito ocupa o segundo semestre, em praticamente todas as regiões do Estado, começando por Sabará, no mês de julho. A partir daí, percorre Sete Lagoas, Barbacena, Ribeirão das Neves, Patos de Minas, Ipatinga, Belo Horizonte, Uberlândia, Uberaba, Juiz de Fora, Poços de Caldas e Vespasiano. São festivais de diferentes formatos, tamanhos e estilos, produzidos pelos Pontos Fora do Eixo Minas, e atingem mais de 50 mil pessoas, com circulação de cerca de 200 artistas e movimentação de quase um milhão de reais.

O CMFI, no ano de 2011, amplia suas parcerias, e uma de suas principais novidades é a construção em parceria com o Programa Música Minas um edital de seleção de artistas mineiros. O Programa Música Minas é uma parceria do Fórum da Música de Minas e da Secretaria de Estado de Cultura.
O Edital de Circulação Estadual irá selecionar 15 artistas/grupos para fazerem 2 shows cada nos festivais integrados ao Circuito Mineiro de Festivais Independentes, sendo que pelo menos 1/3 (um terço) destes deverão ser artistas do interior. Serão um total de 30 shows distribuidos em 10 festivais que ocorrem de agosto a dezembro de 2011.

A abertura das inscrições será realizada pelo Toque no Brasil, onde o artista/grupo deverá criar seu perfil e poderá se inscrever entre os dias 17 e 24 de julho.

sábado, 16 de julho de 2011

Cobertura audiovisual do Lançamento do Festival Gramophone

Para aqueles que não foram e para os que querem relembrar. O vídeo mostra como foi a passagem da banda Sabonetes e Maglore no Opinião Pub dia 7.

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Peça ‘Agreste’ será apresentada de quinta a domingo, com entrada gratuita


Os sete-lagoanos viajam pelo mundo encantado do teatro do dia 21 a 24, às 20 horas. No anfiteatro do Centro Cultural Casarão, o talento de oito atores da Escola Livre de Teatro com a encenação de formatura na peça Agreste, em uma produção profissional. A entrada é gratuita e aberta ao público. A realização é da Preqaria Companhia de Teatro, com o apoio da Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura e Comunicação Social.

O diretor da peça, João Valadares, antecipa que a narrativa traz a história de um casal dividido por uma cerca, os quais se olham sempre distantes. Aos poucos, com muita poesia, um deles atravessa a divisória e o enredo se desenrola no calor do sertão. O texto é do dramaturgo contemporâneo Newton Moreno.

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Dia mundial do Rock tem comemoração em Sete Lagoas e movimenta as redes sociais

Hoje, dia em que se comemora o Dia Mundial do Rock, Sete Lagoas apresenta várias atrações para marcar a data na cidade.  

No Ferro Velho, acontecem diversas atrações entre elas um show que vai reunir alguns dos integrantes da banda Tianastácia, que sobem ao palco com para complementar o Show de Gleison Túlio.

Acontecem ainda os shows com as bandas Power Trio e Stage One Melodia. Os interessados em comemorar o dia ao som do rock, basta comparecer ao Ferro Velho, localizado na Avenida Equador 2060 - Bairro Santa Maria. 

A entrada feminina é R$15 e a masculina é R$20,00.  Mais informações por meio do telefone (31) 3773 - 5801 

Quem também vai comemorar a data em grande estilo é o Opinião Pub. Para esta noite a atração será a já conhecida banda No Label, que começa a tocar partir das 22hs. Os interessados na atração podem comparecer ao Opinião, que fica na Avenida Antônio Olinto N°1144 Centro.

No facebook a movimentação está grande desde o início da semana, quando várias pessoas trocaram as fotos do seu perfil para fotos de ídolos do Rock. Dê uma olhada na sua timeline e veja quanta gente famosa tem.





Ainda nas redes sociais, a hagtag #diadorock está bombando no twitter. A Revista Noize é uma que está  reproduzindo conteúdo super interessante. Dá uma olhadinha e veja o que que ta rolando.

(com informações do site setelagoas)

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Quero colaborar no Gramophone 2011

O Gramophone cresceu, as tarefas são muitas e assim também precisa ser a equipe pra dar conta disso tudo. Então se você curte e valoriza tudo que a gente vem tentando fazer e está disposto a entrar nesta com a gente, preencha este formulário no link abaixo e venha conhecer a delícia do trabalho colaborativo de dentro do olho do furacão. Se tiver dúvida, dê uma espiada nos sorrisos da foto e terá certeza que valerá a pena! #façamosjuntos é a palavra de ordem. E tem tarefas para todos os gostos, habilidades e disposição!! Chega mais!!

Nós enumeramos algumas tarefas mas estamos abertos à qualquer ajuda. Preencham o formulário e entrem nessa com a gente.

Confira tudo que rolou na Invernada Cultural

Para quem foi e para quem perdeu. Confira o que rolou na Invernada Cultural.
Um evento de artes integradas que trouxe outra ótica e outras possibilidades de diversão saudável e sustentável para Sete Lagoas.


Vídeo produzido por Vleydson Santos

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Não foi no Lançamento do Gramophone? Saiba como foi.

Uma noite que já começou prometendo! 2 bandas excelentes compunham a programação da noite e ainda comemorávamos o Lançamento do Festival Gramophone.




Apesar dos outros shows na cidade, inclusive um revival do Íris de Seda (banda "das antgias e que tem público fiel), Maglore começou a cantar e o Opinião foi enchendo no decorrer da noite.
O show dos bahianos animou a galera. Dança, coro e diversos cds vendidos sinalizam um feedback bem positivo do show.


No intervalo entre os shows, os dois últimos nomes da programação musical do festival - Macaco Bong e o ex-Planet Hemp Bnegão - foi revelada por Marcão e agora pode ser conferida no site do festival http://www.festivalgramophone.org/.


Sai Marcão e entram os curitibanos do Sabonetes. Show interessante e que despertou a curiosidade de muitos presentes. Um casal bem à frente do palco chamou a atenção por terem cantado quase todas as músicas. Segundo eles, já conheciam e admiravam o trabalho da banda há um tempo.


As projeções com imagens da banda deixou tudo ainda mais bonito. A equipe do Fora do Eixo ainda ficou responsável pelo controle do som, que estava impecável. O Clube de Cinema FDE fará uma cobertura da passagem da banda por Sete Lagoas, como os outros episódios que foram produzidos e linkados no último post.



A noite foi um sucesso. Duas bandas excelentes e já com uma história consolidada de circulação mostraram que o Festival Gramophone 2011 vem com tudo. Agora é esperar o final do mês, se inscrever para as oficinas e degustar cada detalhe da programação que tem além dos show, debates, Ocupação Hip Hop, Oficinas, Mostra de Videos, Exposição de Arte e Literatura.





Texto: Raíssa Galvão
Fotos: Marcelo Alves Miranda

quinta-feira, 7 de julho de 2011

Lançamento do Festival Gramophone é hoje

Hoje! Turnê Sabonetes em Sete Lagoas!
No dia 21 de junho, a banda curitibana Sabonetes caiu na estrada, em sua turnê que visita 10 cidades nos estados de São Paulo, Minas Gerais e Espírito Santo, tudo em apenas 19 dias.

Partindo de São Paulo, onde os curitibanos tocaram no Studio SP e na Casa Fora do Eixo, a turnê desembarcou em Bauru, de lá seguiu para Araraquara, passou em Ribeirão Preto e São José do Rio Preto, fechando a passagem por São Paulo na cidade de São Carlos, onde aconteceram dois shows. Confira os vídeos de cada cidade:

- Episódio #1 São Paulo (SP):
http://youtu.be/Nflxvo42Gng

- Episódio Especial Casa Fora do Eixo SP:
http://youtu.be/Jrz89bqobO0

- #TurneSabonetes rumo a Bauru:
http://youtu.be/CdtaJw-dyi8

- Episódio #2 Bauru (SP):
http://youtu.be/4U72nEeg5X4

- Episódio #3 Araraquara (SP):
http://youtu.be/v_DhkHMC5J0

- Episódio #4 Ribeirão Preto (SP)
http://youtu.be/sTCNnAM7DPw

- Episódio #5 São José do Rio Preto (SP)
http://youtu.be/wcF5gDWqGmQ

- Episódio #6 São Carlos (SP):
http://youtu.be/aiQXWqC24vM

Durante a passagem mineira da turnê, o Sabonetes toca nessa quinta, dia 7, em Sete Lagoas, no Opinião Pub. Até dia 8 a banda circula em Minas, tocando ainda em Belo Horizonte. A turnê acaba em Vitória, no Espírito Santo, no dia 9, haja fôlego!

Mas eles não caíram na estrada sozinhos. O Sabonetes tem a companhia de uma equipe do Clube de Cinema Fora do Eixo, responsável pela cobertura oficial da turnê. Essa galera está acompanhando todos os shows e soltando um vídeo por dia, como vocês viram, além de movimentar as redes sociais e deixar todo mundo ligado no que está acontecendo.

Acompanhe a tag #TurneSabonetes no twitter para ver a movimentação do Sabonetes e confira mais vídeos da turnê na página da banda no Toque no Brasil, que tem atualização diária!

E mais. Em Sete Lagoas a banda tocará no Lançamento do Festival Gramophone junto com a banda Maglore. Portanto a programação está imperdível!

quarta-feira, 6 de julho de 2011

Trabalho de conclusão de curso sobre o Colcheia

É com muito orgulho que vemos a chegada da apresentação do famigerado TCC da turma de Comunicação Social da Faculdade Promove. Entre os trabalhos apresentados está o vídeo institucional do Colcheia.

Vleydson (um dos nossos integrantes), junto com Newton e Rogério nos proporcionaram a oportunidade de sermos tema do trabalho e de nos oferecer um serviço, o vídeo institucional.

Convidamos a todos para assistir ao lançamento do vídeo, hoje, as 20h na Faculdade Promove.

terça-feira, 5 de julho de 2011

Programa Gramophone está de volta!

Depois de um tempinho de férias os mehores (ir)radialistas de Sete Lagoas voltam com seu programa semanal na rádio Santana FM, 87,9. Wesley e Marcão animam as noites de terça-feira com muita música e diversão.

O programa traz notícias do cenário cultural setelagoano, apresenta bandas da música independente do Brasil além de valorizar a produção musical local. Por vezes são realizadas promoções e sorteio de brindes.

Hoje o programa falará do Festival Gramophone e revelará mais bandas locais que participarão do festival. Acompanhe a partir das 22 horas pela twitcam ou pelas ondas radiofônicas.



sábado, 2 de julho de 2011

[Artista da semana] Camarones Orquestra Guitarrística

Na lógica de apresentar bandas do cenário independente nacional hoje a bola da vez vem de Natal (RN). Camarones e Orquestra Guitarrística é uma banda potiguar de música instrumental rock que mistura elementos de ska, pop e surf music.

Criada no final de 2007 com o objetivo de fazer uma música instrumental, divertida e dançante, a banda já tem 2 EPS, “Corra Cabron, Corra!” e “Tudojunto”, e um CD homônimo lançados.

Com o fim da turnê de quase 80 datas em 2010, a banda iniciou 2011 com novos projetos e lançamentos importantes.

Em fevereiro, foi lançado o DVD ao Vivo gravado durante o Festival DoSol. O show que aconteceu em novembro de 2010 na cidade de Natal/RN, foi todo filmado em FullHD e o áudio gravado em multipista.

O Camarones também lançou o seu mais novo CD chamado “Espionagem Industrial”. Contemplado no Petrobras Cultural, o maior edital de cultura do país, a banda convidou o músico e produtor Chuck Hipolitho para a produção do disco que será lançado em março de 2011.

A característica de fazer uma música que preza não pelo virtuosismo, mas pela diversão, tem despertado um grande interesse do público e mídia espontânea por onde o Camarones Orquestra Guitarrística passa.

A formação conta com os músicos Karina Monteiro (guitarra), Ana Morena (baixo), Anderson Foca (Teclado e efeitos), Xandi Rocha (Bateria), e Leo Martinez (guitarra).

Confiram o vídeo release da banda, com uma apresentação e 3 excelentes músicas:



Gostou? Visite o site da banda

sexta-feira, 1 de julho de 2011

Já garantiu seu ingresso pra Invernada Cultural?

Amanhã é o dia desse evento histórico em Sete Lagoas.
Artes integradas de verdade: Literatura, artes visuais,  música, congado, artes circences, tudo em um único evento!
Não garantiu seu ingresso ainda? Olha aí a oportunidade: O site setelagoas.com.br está sorteando pares de cortesia, corre lá e concorra o seu, pois todos os disponíveis já estão a venda e o número de pessoas no evento é limitado.

quinta-feira, 30 de junho de 2011

Prefeitura abre licitação de instrumentos para a Orquestra Municipal

As empresas do ramo musical ligadas a venda de instrumentos devem ficar atentas, pois está aberta a licitação, em cumprimento a Lei 8.666/93 para a aquisição de instrumentos musicais para a formação da Orquestra Municipal de Sete Lagoas.

O processo licitatório acontece no modo “Menos Preço por item”. Os interessados devem retirar os envelopes contendo a documentação na Consultoria de Licitações e Compras.

A entrega deverá ser feita até às 09hs do dia 08 de julho. O edital já está a disposição dos interessados para consulta, podendo ser retirado no horário das 08hs às 11h30 e 13hs às 17h30 de 2ª à 6ª feira na Consultoria de Licitações, situada na Rua Cônego Raimundo nº 32, centro, Sete Lagoas.

Mais informações poderão ser obtidas pelo telefone (31) 3779-3702.

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Site do Festival Gramophone atualizado

Pra quem está ávido por mais novidades do II Festival Gramophone agora tem o caminho certo para todas as informações e notícias quentinhas. O site www.festivalgramophone.org acaba de ser atualizado com a nova logo e o novo designer além de informações sobre o festival.



Hoje ainda serão divulgadas mais bandas que estão dentro da programação do festival. Outras notícias sobre o festival serão divulgadas em primeira mão no site, então fiquem ligados lá também.

Aproveita pra já curtir a página do Gramophone no Facebook e se atualize também pelas redes sociais.

segunda-feira, 27 de junho de 2011

Mostra de arte com Edgard Castanheira e Leandro Figueiredo na Galeria Myralda


Mostra de arte com Edgard Castanheira e Leandro Figueiredo começa dia 30 de junho

A Galeria Myralda será transformada em um cenário mutante no dia 30 de junho, às 20 horas, quando a mostra Eleven abrirá a nova temporada de arte de Sete Lagoas com os trabalhos de Edgard Castanheira e Leandro Figueiredo. A montagem de ficção sobre o ritmo da vida estará em cartaz até 30 de julho, das 8 às 18 horas.

O visitante poderá conferir instalações tridimensionais e ocupações artísticas nas paredes, sem divisões claras entre as ambientações feitas por um artista e por outro. O curador da exposição, Demétrius Cotta, explica que a galeria proporcionará a reflexão sobre as mudanças da atualidade, como no clima e meio ambiente. “Queremos provocar no expectador a pergunta: os artistas são mutantes porque querem ou é a sociedade que os faz mudar?”, afirma Cotta.

Leandro Figueiredo apresentará os bastidores do processo de criação artística, a partir de dois painéis com esboços dos trabalhos do dia a dia, e pintará diretamente no espaço cultural. Nesse ambiente, Edgard Castanheira poderá interferir visualmente com jogos de luz e outros elementos, fazendo o diálogo entre as composições. “A mostra será uma surpresa também para os artistas”, diz Figueiredo, antecipando que as obras sofrerão alterações a cada dia.

Desde a inauguração no ano passado, a Galeria Myralda atraiu 2.500 pessoas com as exposições: Mirar e Mirabolante, em saudação a agente cultural Myralda Roque; Camarim do Zaca, para prestigiar os bastidores da vida e obra do ator e humorista, Mauro Faccio Gonçalves, o Zacarias; e Silêncio no Palco, em homenagem ao artista local e João Cláudio Cunha.

A realização da Eleven é da Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura e Comunicação Social. A Galeria Myralda está localizada na Avenida Getúlio Vargas, 91, Centro.

Da Prefeitura

[Oportunidade] Festival Bandas Novas ao Extremo

Você tem uma banda de hardCore, metal, punk? Música autoral?

Sabemos da sua dificuldade de conseguir espaços para tocar e lhes mostramos uma oportunidade super bacana em Juiz de Fora.


Uma parceria entre o Festival de Bandas Novas e o Coletivo Sem Paredes. Atuando dentro da frente do Fora do Eixo ao Extremo o Sem Paredes inicia suas atividades pelas vertentes EXTREMAS da música independente. Serão quatro festas em parceria com o Festival de Bandas Novas, nos meses de junho, julho, agosto, outubro e dezembro em que só serão aceitas bandas com produção autoral e estilos que figurem em torno do "hard rock".

Gostou? Inscreve sua banda na oportunidade aberta no Toque no Brasil.

domingo, 26 de junho de 2011

[Artista da semana] Vendo 147

A coluna que apresenta as novas bandas traz essa semana uma das atrações do Festival Gramophone mas que merece destaque pela sua formação.

Banda com duas guitarras é bem comum. Sem guitarra você já deve ter visto. Sem baixo, eventualmente. Sem vocalista, idem. Com dois vocalistas? Claro. Mas se você, roqueiro ou não, acha que já viu de tudo nessa vida, muita calma nessa hora. Que tal...dois bateristas? Sim, dois bateristas, porque não?

Vejam bem, estamos falando de dois bateristas, e não de duas baterias. A bateria continua reinando única, soberana... Esta formação ganha o nome de “clone-drum” (uma invenção dos suíços do Monsters, até então inédito no Brasil), que conta com dois bateristas, sincronizados, dividindo o mesmo bumbo.

O grupo é formado pelos “bateristas-clones” Glauco Neves e Dimmy ‘O Demolidor’ Drummer, Pedro Itan e Duardo Costa, nas guitarras, e Caio Parish, no baixo. Em resumo, é uma banda de música instrumental, mas, principalmente e acima de tudo, de rock.

A Vendo 147 lançou um EP com 4 faixas em 2009 e agora acabou de finalizar a gravação do seu CD (produzido pelo renomado André T). “Godofredo” será conceitual – diferente da maioria dos discos feitos por bandas independentes e instrumentais – e foi construído de forma minuciosa, principalmente em relação às passagens, sonoridade e timbragens, respeitando a estrutura do que a banda faz ao vivo - baixo, guitarras e clone drum. O CD será lançado em uma tour, no mês de julho, que contemplará, nesta etapa, a realização de mais de 20 shows entre cidades dos estados do Sul e Sudeste, passando por Sete Lagoas na sexta-feira do Festival Gramophone.

Ouçam o CD Godofredo na íntegra no site da banda
Conheçam o blog da banda no Aposta MTV
Assistam a “Aurora”, umas das composições do novo CD:


Já deu uma curtida na página do Festival Gramophone lá no Facebook? Dá um joia pra gente!

sábado, 25 de junho de 2011

[Oportunidade] Noite Fora do Eixo em Patos de Minas

Voltando a apresentar oportunidades para bandas e artistas locais o Colcheia mostra vagas em aberto em todo país.
O Coletivo Peleja, de Patos de Minas, oferece 3 vagas para tocar na Noite Fora do Eixo dia 16 de julho no Moendas Bar. Se interessou? Se inscreve na oportunidade no Toque no Brasil.

Obs: Se você tem uma banda e ainda não criou perfil no site Toque no Brasil está perdendo tempo. É uma excelente oportunidade de conectar produtores e artistas, além de ser uma ótima página de referência da banda, totalmente personalizada. Corre lá e cria seu perfil, é super fácil!

sexta-feira, 24 de junho de 2011

[Frutos da terra] Congadar

Idealizado, no mês de maio do ano de 2009, pelos folcloristas, Paulo Henrique de Souza (Paulinho Boi da Manta), Carlos Warley Vieira de Castro (Maestro Saúva) e Eduardo Antonio Gonçalves (Dudu Moçambique).O grupo musical Congadar, é uma expressão representativa da diversidade musical de Sete Lagoas. Assimilando as manifestações da cultura mineira, em especial de Sete Lagoas, num toque adaptado para os sons “cruzados” das caixas de congado, o Congadar, promove arranjos musicais de composições inéditas e já conhecidas, com uma postura cênica facilitada pela pesquisa, através de experimentações artísticas, em torno do legado de Chico Rei.

O grupo já se apresentou no Lançamento do Colcheia, em abril de 2010, e agora volta aos eventos do coletivo na Invernada Cultural, dia 02 de julho.


Fotos da apresentação do grupo no Lançamento do Colcheia

Conheça o site do grupo e acompanhe a sua história.

Festival Fora do Eixo SP faz semana das artes cênicas

O evento terá programação especial do Palco FdE em São Paulo


Nos próximos meses a capital paulista recebe o Festival Fora do Eixo SP. Em sua terceira edição, o evento anual que integra os artistas de destaque do circuito da música independente, prepara uma programação com shows de expoentes da nova música brasileira, espetáculos de teatro, oficinas, mesas de debates e cinema. O ponto de partida do festival começa no próximo dia 23 e vai até o dia 26 de junho, em comemoração ao primeiro ano de atuação do Palco Fora do Eixo (PFE).

Com objetivo de promover, fomentar, difundir e divulgar manifestações cênicas de grupos/artistas independentes, o PFE completa um ano de atuação, avanços e ações na rede de coletivos. Para isso, ganhou uma semana especial no Festival FdE, onde serão realizadas atividades focadas nas artes cênicas. “O Festival FdE, que foi o evento onde surgiu o PFE no ano passado, volta este ano com uma edição especifica do Palco, o que mostra não só a evolução da própria frente como também a aposta da rede no desenvolvimento da mesma”, relata Artur Faleiros – coordenador da comunicação do Palco FdE.

Hoje, já são mais de 15 coletivos no Brasil que trabalham fortemente nessa frente, criando plataformas que possibilitem a movimentação e construção de cenas locais e ponte entre elas. Contribuindo assim para uma maior fruição cultural que favoreça também a consolidação de artistas, produtores e público consumidor.

Realizando a primeira ação no bairro Cambuci, desde a instalação da Casa Fora do Eixo São Paulo, ponto de articulação nacional do FdE, já era discutida a integração da casa com o bairro. “O Cambuci tem características peculiares, como a miscigenação de classes sociais díspares, projetos e espaços de vivências interessantes e uma oferta ainda limitada de atividades culturais”, relata Daniela Teixeira, gestora da FdE Distro e uma das direitas da Casa Fora do Eixo SP. Através de suas participações nas reuniões da Rede de Cultura do Cambuci e Região (REDESC), grupo que visa articular centros culturais, artistas, e gestores no bairro, o Fora do Eixo percebeu que seria uma ótima oportunidade de levar as atividades do Palco FdE para cidade de São Paulo e estimular uma ação desse grupo em conjunto.

Na programação do Festival Fora do Eixo – Etapa Palco FdE, as ações do Cambuci se concentram na Casa FdE SP, com mesas debates, observatórios, oficinas, imersão e apresentações musicais. No espaço cultural NPC Artes, onde serão realizadas oficinas e espetáculos de teatro. No espaço cultural Casa das 3 será feito um encontro do Palco. O hostel “Ô de Casa”, na Vila Mariana, também será local de encontro dos participantes do festival. E as noites de shows especiais se concentrarão no Studio SP, casa de eventos do centro do São Paulo. Ainda na lista de atividades do festival, o Palco Fora do Eixo realizará imersão com reuniões livres nos dias 27, 28 e 29 de junho, das 14 às 22 horas, na Casa FdE SP.

Projeto realizado com o apoio do Governo de São Paulo, Secretaria de Estado da Cultura, Programa de Ação Cultural 2010 e produção do Circuito Fora do Eixo.


Serviço

Festival Fora do Eixo São Paulo – Etapa Palco FdE
Data: 23 à 26 de junho

Endereços
Casa Fora do Eixo SP
Rua Scuvero, 282, Cambucci São Paulo/SP
11 4304 1537

NPC Artes
Av Lins de Vasconcelos, 875,
Aclimação
11 6583 7142

Hostel Ô de Casa | Bar Ô Vila Madalena
Rua Inácio Pereira da Rocha, 385
odecasahostel.com

Casa das 3
R. Colonia da Gloria, 320
acasadastres.blogspot.com

Studio SP
Rua Augusta, 591, São Paulo

quinta-feira, 23 de junho de 2011

Peça teatral: No foco da fofoca

Ei, você aí que está cansado e querendo se divertir, olha essa peça teatral produzida por setelagoanos e que promete arrancar várias risadas e te deixar mais leve.

A Cia Teatral Arte Cínica apresenta a peça No Foco da Fofoca.



Texto e direção: Gustavo Gomes
Participação especial: Márcia Flávia

Casa da cultura
Dias: 26,27 e 29 de maio
20:30 horas
Ingressos: Antecipado R$ 8,00
Ponto de venda: Bazar Esportes
Na portaria: R$ 10,00

Estudantes pagam meia mediante apresentação de carteirinha ou declaração da Escola.

quarta-feira, 22 de junho de 2011

Em turnê nacional a banda Sabonetes passa por Sete Lagoas

Ontem, dia 21 de Junho, a banda Curitibana Sabonetes inicia a sua turnê por três estados do Brasil. Os paranaenses têm datas planejadas até 9 de julho, visitando São Paulo, Bauru, Araraquara, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, São Carlos, Uberlândia, Sete Lagoas, Belo Horizonte e Vitória, finalizando o giro no Espírito Santo. O plano é dar mais um passo na carreira, que vem em ascendência depois do lançamento do primeiro disco. “Sabonetes” (2010) parece feito sob medida para road-trips aventureiras, apresentando música de sonoridade única que vai de rock disco-punk a baladas estradeiras. A Turnê Fora do Eixo é realizada pelo Circuito em parceria com a Conteúdo Musical, e os shows acontecem nas famosas Noites que a rede realiza em várias cidades do Brasil.

Em Sete Lagoas a banda toca no Opinião Pub já fazendo o Lançamento do Gramophone, junto com a banda bahiana Maglore. O Colcheia entra em uma rota nacional destacando a sua importância no circuito independente do Brasil e aproveita para apresentar novas bandas ao público setelagoano, sem restrições de estilos e visando expandir o seu público.

Assistam ao VT da turnê que passa por Sete Lagoas:



Sabonetes:
Eles se consideram uma banda indie. A banda se preocupa com as letras, grava e edita seus próprios vídeos. Está também nas rádios, tem seus clipes transmitidos na televisão e material de trabalho distribuído nacionalmente.

São 7 anos de estrada e uma história que começou entre amigos no centro acadêmico do curso de Comunicação Social da Universidade Federal do Paraná. O que parecia apenas um passatempo, foi tomando fôlego e levou a banda a se mudar para São Paulo. Junto a isso, veio o lançamento do 1° álbum, em 2010, intitulado Sabonetes, gravado por Tomás Magno nos estúdio Toca do Bandido (RJ) e Máfia do Dendê (SP). Nas 13 faixas, a banda apresenta do rock disco-punk às baladas estradeiras. São músicas com diversas referências estrangeiras, do rock clássico ao recente, e com uma presença marcante de música brasileira.

Conheça o site da banda.

Maglore

A Maglore é uma banda nova (formada em 2009) que figura entre as apostas da crítica especializada baiana para o ano de 2010. Já tendo tocado em alguns grandes festivais no Brasil como o Fun Music (SP) e o Festival de Verão Salvador (BA), a banda faz um Rock Tropical com influências do Folk Americano, do Rock Britânico e MPB setentista, forjada no caldeirão de ritmos que é a cidade de Salvador. O primeiro álbum da Maglore está em fase de gravação com a produção de Jorge Solovera, o mesmo produtor do EP Cores do Vento (2009). Feito de forma independente e por isso mesmo ainda dependendo de alguns incentivos, o disco deverá ser lançado até o final deste ano.

Conheça mais sobre a banda.

Confirme presença no Lançamento do Gramophone

terça-feira, 21 de junho de 2011

Mais dois nomes para o Gramophone 2011

Este ano, na segunda edição do festival, o projeto cresceu. O Festival Gramophone faz parte do Circuito Mineiro de Festivais Independentes, que integra 12 festivais e diferentes cidades mineiras. O Circuito teve projeto aprovado na Lei Estadual de Incentivo à Cultura e foi captado pela Vivo. O Gramophone, então, será apresentado pelo Conexão Vivo. Além disso parcerias e apoios estão sendo fechados na cidade como a Secretaria Municipal de Comunicação e Cultura e o restaurante Villa Bistrô, que irão garantir a qualidade do festival. A partir dessas possibilidades de patrocínios e parcerias, o investimento em artistas de destaque no cenário mineiro e nacional será maior neste ano.

Conheça dois dos nomes já confirmados para o festival:



Mais uma elogiada banda de rock instrumental baiana, famosa por inovar com o 'clone drum' (onde dois bateristas tocam simultaneamente e dividem o mesmo bumbo) -, está com tudo em 2011. Além de serem escolhidos pela MTV para concorrer ao ApostaMTV, os músicos estão com um projeto ousado para a turnê nacional de divulgação do primeiro de disco de carreira, "Godofredo", que acaba de sair do forno.

No próximo mês, o quinteto - formado por Dimmy "O Demolidor" (bateria-clone), Glauco Neves (bateria-clone), Pedro Itan (guitarra), Duardo Costa (guitarra) e Caio Parish (baixo) -, vai cair na estrada rumo ao Sul do país a bordo de uma Van interativa, de onde irão divulgar, por meio de um site, todas as notícias e aventuras da rocktour, que já tem confirmada a realização de mais de 20 shows, entre 7 e 31 de julho, espalhados pela Bahia, Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Santa Catarina, Paraná e é claro, Sete Lagoas.

A banda se apresentará na sexta-feira, 29, no Opinião Pub. Fará a abertura oficial do Gramophone ser em grande estilo!


Durante o ano de 2010 a banda se consolidou entre as grandes bandas independentes do País e teve seu trabalho reconhecido de várias formas. Foram citados duas vezes no Top 10 da revista Rolling Stone Brasil (Ed. 52 de Janeiro de 2011): com o EP Pressuposto, eleito o 4º Melhor Disco Nacional e com a música “O Morno” escolhida a 2ª Melhor Música Nacional. Além de terem sido a banda de abertura para o Green Day (USA), em São Paulo, num show para quase 30 mil pessoas, na Arena Anhembi e atração na festa de aniversário de 4 anos da Revista Rolling Stone Brasil, dividindo a noite com Erasmo Carlos, um dos grandes mitos do Rock Brasileiro.
Aos que tiverem interesse em conhecer um pouco do que há de muito bom sendo produzido no Paraná fica aqui o convite, sábado, dia 30 de julho no anfiteatro do Casarão... e apreciem sem moderação!!!


Em breve mais bandas confirmadas. Fiquem atentos às nossas redes sociais.

[Cobertura] Segunda etapa das prévias locais para o Gramophone

A última etapa das Prévias Seletivas do Gramophone 2011 trouxe à nós mais uma banda confirmada para os palcos do festival.
Assista ao vídeo com a apresentação das 4 bandas (Capitão Bludy, Zero A!, Rafael & The Aqua Pang e Zero Hora) que concorreram nessa etapa das prévias.



Já que estamos falando de confirmações vamos divulgar hoje mais dois nomes confirmados para o Gramophone 2011. Fiquem atentos aqui no blog, às 16 horas faremos um post com as bandas.

segunda-feira, 20 de junho de 2011

Nona edição do Templo 8 começa dia 23


A nova edição do Templo 8, que começa no próximo dia 23 junho, terá como tema foi Brasil Itália: do sertão a Milão – uma viagem gastronômica das culinárias típicas dos dois lugares, paralelamente aos eventos que acontecem em todo o país e que comemoram o ano da Itália no Brasil.

De acordo com a organizadora do evento, a artista plástica Adriana Drummond, para esta temporada haverá eventos gastronômicos, culturais e musicais.

Para isso, Adriana fechou uma parceria com o especialista em cozinha italiana Bruno Ventrone, que apresentará durante todas as noites, delícias da culinária italiana.

Além de Bruno, estará também Maria Conceição Oliveira, cozinheira que cuidará de todo o menu tipicamente brasileiro e já faz parte da equipe há algumas temporadas.

O evento vai até o dia 01 de setembro, sempre às quintas-feiras, das 20hs às 1hs.

Durante toda a temporada, a fotógrafa Thiane Rodrigues participará do evento e fará a cobertura fotográfica do público presente, que será publicada no perfil Templo 8 da rede social Facebook, paralelamente à programação do evento e das novidades que forem surgindo ideias.

sábado, 18 de junho de 2011

Resultado da segunda etapa das prévias locais


Zero A, a vencedora da noite.
Mais uma noite de prévias seletivas para o Gramophone 2011. Dessa vez 4 bandas concorriam à uma vaga nos palcos do Festival Gramophone. A ordem de apresentação, decidida por consenso entre as bandas, foi Rafael & The Aqua Pang, Zero Hora, Capitão Bludy e Zero Hora. Ao final, com a presença de integrantes da maior parte das bandas e algumas pessoas do público, foi feita a contagem dos votos e ficou o seguinte: a vencedora foi Zero A! com 57 votos, seguida por Capitão Bludy por 48 votos, em terceiro Rafael & The Aqua Pang com 40 votos e finalmente Zero Hora com 25 votos. Tivemos 4 votos nulos, que foram cédulas com apenas 1 voto. Após essa confirmação a banda Zero A! se junta à já selecionada através das prévias, Maria Melodia.

Fred Berli, do coletivo Vatos/ Vespasiano.


A urna de votação, com Marina e Pulinho (o dono da festa!)
Mas as bandas locais ainda têm outra oportunidade para tocar no festival. O Colcheia abriu mais duas vagas no Toque no Brasil para as bandas se inscreverem e passarem pela curadoria do coletivo. Essas vagas estão abertas sem restrições locais ou regionais, portanto quaisquer bandas que fazem trabalho autoral, possuem perfil no site com foto e ao menos duas músicas e possuem um show autoral de no mínimo 30min está apta a se inscrever.

Se interessou? Corre e se inscreva. Não tem perfil ainda? Aproveita a oportunidade: é super fácil, totalmente customizável e muito mais prático para se relacionar com produtores.

Está curioso para saber quais serão as outras bandas do festival? Fique ligado aqui pois essa semana liberaremos mais dois nomes confirmados.

quinta-feira, 16 de junho de 2011

[Frutos da terra] Marcella The Post Modern e Francis Campelo

Começando hoje a coluna Frutos da Terra que vai apresentar talentos da nossa Sete Lagoas. Embora alguns não saibam a cidade está cheia de excelentes artistas e o Colcheia vai apresentar alguns deles aqui.

Para começar a coluna vamos apresentar um vídeo da banda Marcela the Post-modern feito pelo realizador Francis Campelo. Tanto os integrantes da banda quanto o realizador são setelagoanos e levam suas origens para onde vão.

Assistam e vejam o quanto a cidade tem de potencial e de grandes artistas:




Conheça mais do trabalho da banda Marcella The Post Modern e do realizador Francis Campelo

quarta-feira, 15 de junho de 2011

Compacto.Rec lança JULGAMENTO

Neste mês de junho o Compacto.Rec traz o HIP HOP do grupo Julgamento, que é de Belo Horizonte e tem conquistado lugar de destaque no rap mineiro.


O Grupo & O Disco

Julgamento é formado por: Roger Deff, Ricardo HD, Voz Khumallo (vocais), Tobias e Giffoni (DJS), Helder Araújo (guitarra), Gusmão (bateria) e Luiz Prestes (baixo). Sua marca é atitude urbana e subversiva do hip-hop somada a letras engajadas e referencias musicais diversas, resultam em um verdadeiro petardo sonoro. “Ritmo e poesia em sua mais pura expressão”, como o próprio grupo se define.
O CD de estreia “No Foco do CAOS” (2008) foi apontado como um dos principais lançamentos do gênero em Belo Horizonte. O álbum foi produzido por Sérgio Giffoni e conta com as participações de expoentes importantes do cenário como Nathy Faria, Dokttor Bhu e Kiko Ianni.
2011 marca a chegada do novo trabalho do Julgamento, o EP “Muito Além”, também produzido por Giffoni. O novo trabalho apresenta uma sonoridade ainda mais orgânica, rompendo fronteiras e expandindo o universo musical do grupo, como fica claro na última frase da música de abertura “muito além do que se possa imaginar”, e que agora é lançado pelo Compacto.Rec e pela Fora do Eixo Discos!
A valorização humana e as questões sociais ainda são temáticas recorrentes nas letras do grupo, bem como sua relação intrínseca com o hip-hop e tudo o que essa cultura representa. Ao longo da sua trajetória, o Julgamento participou de eventos importantes como o Conexão Vivo, Eletrônika, Transborda, Festival Garimpo, entre outros, além de ter dividido o palco com alguns dos principais nomes do cenário nacional como Marku Ribas, Macaco Bong e B Negão.

O Compacto.Rec

O Compacto.Rec é um projeto de lançamento mensal de álbuns virtuais em rede, com o objetivo de estimular a circulação e distribuição de bandas da cena independente latino americana. O trabalho é uma realização do circuito Fora do Eixo, uma rede de trabalhos colaborativos e os agentes que integram a equipe são oriundos dos mais distintos lugares do país que, através da internet, trabalham em conjunto executando toda a pré-produção do Compacto.Rec: uma compilação com músicas, letras, release, fotos, vídeo, banners e avatares, divulgados em todos os veículos de comunicação integrados a rede.Desde 2007 o Compacto vem trazendo lançamentos diversificados em muitos aspectos e principalmente em estilo musical, agrupando um rico acervo cultural que atrai visitantes de todo o Brasil. Só em 2009 foram mais de vinte mil downloads no ano. Já passaram pelo site bandas renomadas como Porcas Borboletas, Nevilton, Diego e o Sindicato, o rapper Linha Dura e outros. Em outubro de 2010, o Compacto.Rec expandiu mais uma vez suas fronteiras com o primeiro lançamento internacional, o álbum “YYY” da banda Falsos Conejos de Buenos Aires (ARG), além de ter sido recentemente contemplado pela Bolsa Funarte de Reflexão Crítica e Produção Cultural para Internet. Já em 2011, o projeto começou o ano com Os Barcos, lançando em seguida as bandas Cidadão Comum, Maglore, Os Rélpis e Sertanilia. E em julho será lançada a Edição especial Compacto.Rec Funarte. acesse e veja mais: http://compactorec.foradoeixo.org.br/

segunda-feira, 13 de junho de 2011

Segunda etapa das prévias locais

O Gramophone bate às nossas portas e mais uma etapa das prévias locais se aproxima. Nessa sexta-feira mais 4 bandas se apresentarão concorrendo a uma vaga para tocar no festival. A decisão fica nas mãos do público.

A primeira etapa, em que se apresentaram Charge, Quórum e Maria Melodia, o pessoal do Maria ficou com a vaga por apenas 2 votos de diferença e é a primeira atração confirmada para o Gramophone 2011.

Quer ajudar a decidir qual será a segunda confirmação do festival? Vá ao Route 66 nessa sexta, 17, para escolher entre Rafael and the Aqua Pang, Zero A, Capitão Bludy e Zero Hora.


Faça o Gramophone você também. Vote na sua banda favorita!

domingo, 12 de junho de 2011

Quinta-feira com apresentação do Grupo vocal da UFSJ e Quinta na Praça


Sete Lagoas abre a temporada deste mês das apresentações do grupo vocal da Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ). A apresentação acontece na terça-feira, dia 14 de junho, a partir das 15hs, no auditório do Núcleo de Informação para o Agronegócio (NIA).

No palco, estudantes do curso graduação em Música da UFSJ comandados pela professora Valéria Braga. A atração integra o programa de extensão universitária Música XXI da UFSJ.

Em novembro do ano passado, a orquestra-escola da UFSJ lotou a Casa da Cultura de Sete Lagoas. O NIA está localizado no quilômetro 47 da rodovia MG-424.

Vale lembrar que nesta quinta-feira, a segunda edição do ano do projeto Arte Quinta na Praça traz as canções românticas da dupla Samuel e Reys, às 19hs, na Praça Tiradentes, Centro. A entrada é gratuita.

sábado, 11 de junho de 2011

[Artista da semana] Do Amor

Já que estamos na semana do dia dos namorados nada melhor que uma banda que tem o amor no nome.

É bom começar apresentando a banda pelo histórico de seus integrantes, já conhecidos e que já fizeram ou fazem outros trabalhos, entretanto se uniram agora para fazer um som diferente. Marcelo Callado (bateria e voz) e Ricardo Dias (baixo e voz) fazem parte da banda Cê, que acompanha Caetano Veloso há cerca de 3 anos. Gabriel Bubu (guitarra e voz) foi baixista do Los Hermanos e Gustavo Benjão (guitarra e voz) toca com Lucas Santanna. Depois dessa dá pra perceber que a qualidade musical dos caras não é pouca coisa.

Apesar dos outros trabalhos o Do Amor é uma banda que não se encaixa em nenhum estilo muito definido. Em seu primeiro CD que leva o nome da banda possui influência de tudo um pouco, até carimbó podemos encontrar. Mas os caras fazem o seu próprio som, sem se limitar a um estilo pré definido. Descontraídas, animadas e irreverentes as músicas são envolventes e o show mais ainda.Os cariocas têm conquistado espaço e feito excelentes apresentações Brasil a fora.

Conheçam o myspace e o perfil no Toque no Brasil da banda e ouça um pouco mais

Clipe: Dar uma banda


quinta-feira, 9 de junho de 2011

Circuito Mineiro de Festivais Independentes no Jornal O Tempo

No último domingo, 5, saiu uma matéria sobre o Circuito Mineiro de Festivais no Jornal O Tempo. Confira parte da matéria aqui e veja na íntegra no site do jornal.

Festivais integrados em MG

Lançado pela Rede Fora do Eixo Minas no ano passado, o Circuito Mineiro de Festivais Independentes (CMFI) chega ao segundo ano de vigência melhor estruturado, contando com mais recursos e mirando a expansão. Os coletivos que compõem a Rede anunciaram recentemente o calendário 2011, que prevê a realização de eventos com shows de artistas locais e de renome nacional - além de oficinas, debates e outras manifestações artísticas - em 12 cidades mineiras. Quem puxa a fila é o coletivo Fórceps, de Sabará, que entre 18 e 24 de julho promove mais uma edição do Escambo. O festival, neste ano, abriga o Congresso Fora do Eixo Minas. Depois, até o fim do ano, cidades como Uberlândia, Sete Lagoas e Poços de Caldas, além de Belo Horizonte, entram no circuito.


Os prognósticos favoráveis para este ano devem-se, em grade parte, ao projeto estruturante que a Rede Fora do Eixo Minas aprovou na Lei Estadual de Incentivo à Cultura e à capacitação feita junto aos coletivos para que enviassem suas propostas isoladamente. Além disso, foi desenvolvida uma plataforma para a circulação de artistas pelo interior do Estado, fruto de parceria entre o CMFI e o Programa Música Minas, que vai possibilitar a seleção de 15 artistas para participarem dos 12 festivais programados.


"Estamos num processo de reuniões colaborativas, quinzenais, chamando grupos, tanto de música quanto de outras áreas, para apresentar propostas e conjuntamente debater a programação", diz Lucas Mortimer, do coletivo Pegada, realizador, em Belo Horizonte, do festival Transborda. Ele aponta que, a partir dos resultados de 2010, a Rede Fora do Eixo Minas delineou o calendário, as propostas e a gestão dos recursos para este ano. "Estamos no processo de construção do Circuito 2011 desde janeiro, quando fizemos uma imersão do Fora do Eixo em Sete Lagoas. Definimos como seria a linha dos festivais e como seriam os investimentos. Temos mantido diálogo direto entre os coletivos, num esquema de comunicação integrada. Agora estou num processo de circulação para analisar o que cada coletivo conseguiu de apoio local para seu evento", diz.


Sobre o Transborda, previsto para setembro e outubro, ele diz que terá um primeiro momento focado na formação, através de debates e oficinas, e um segundo dedicado aos shows e às ditas artes transversais. "Das atrações, ainda temos pouca coisa definida. Posso adiantar que vamos trazer o Cabruêra, da Paraíba, o Violins, de Goiânia, e o Jair Naves, de São Paulo. O que também está fechado é que vamos levar o Transborda, no dia 8 de outubro, a quatro diferentes centros culturais da cidade. O fechamento acontece no domingo, dia 9, com os shows principais na praça da Estação", antecipa.


Ele destaca que, como no ano passado, o Transborda segue interessado no cruzamento de diversas linguagem artísticas. "A gente mantém a proposta das artes integradas e transversais, principalmente nessa circulação pelos centros culturais da cidade. É da mesma forma que no ano passado, mas ainda mais expandido, tentando agregar artes cênicas, artes visuais, literatura e o audiovisual nesse pacote. Nesse processo colaborativo, várias pessoas se aproximam do festival", afirma.

segunda-feira, 6 de junho de 2011

Vleydson é um dos selecionados para a Oficina de Videodocumentarismo no Festival Fora do Eixo



Um dos Colcheias ativos, Vleydson, foi selecionado para participar da Oficina de Videodocumentarismo da Escola de Cinema Livre produzida pelo Coletivo Pegada dentro da programação do Festival Fora do Eixo BH. A oficina resultará num documentário do Festival Fora do Eixo 2011.

Vleydson é o responsável por toda a produção audiovisual do Colcheia desde a sua entrada. Vários vídeos já foram feitos por ele, coberturas e divulgações dos nossos eventos. Ele também foi um dos responsáveis pelo programa Cultura Sonora, que em um dos blocos deu destaque para o Colcheia. Esse ano, terminando sua faculdade de Comunicação Social, ele dedicou seu TCC a um vídeo institucional do Colcheia.

Sua participação na oficina será de grande valia para sua produtividade no coletivo e profissionalmente.

Confira os vídeos produzidos por Vleydson no canal do youtube do Colcheia.

sábado, 4 de junho de 2011

Segunda edição do Cine Cerrado



Dando continuidade aos seus trabalhos o Projeto Cine Cerrado apresenta em sua segunda sessão o filme A Festa da Menina Morta (2008), que marca a estréia do ator Matheus Nachtergaele como diretor.

O longa metragem é uma produção da Bananeira Filmes e traz no elenco Daniel de Oliveira, Juliano Cazarré, Jackson Antunes,Cássia Kiss, Dira Paes e Paulo José.

A classificação indicativa do filme é de 18 anos.

O projeto Cine Cerrado tem periodicidade mensal e levará até o auditório da Casa da Cultura Francisco Timóteo Pereira exibições gratuitas de filmes nacionais, priorizando as obras que circulam fora do eixo comercial, como uma maneira de fortalecer e estimular o hábito de consumo cultural além de promover a valorização do cinema nacional. A edição do mês de junho acontecerá no dia 11 de junho às 20 horas no Auditório da Casa da Cultura Francisco Timóteo Pereira, orla da Lagoa Paulino, com ENTRADA FRANCA.

O projeto Cine Cerrado é uma iniciativa do Blog Cultural Dedo de Prosa (dedodeprosa.blog.br) e conta com a parceria da Secretaria de Cultura e Comunicação Social e da Produtora Bananeira Filmes, do Rio de Janeiro.

Sobre o filme

A Festa da Menina Morta foi filmado no município de Barcelos, no estado do Amazonas e possui mais de 20 prêmios em festivais nacionais e internacionais.

A idéia para A festa da menina morta veio quando Nachtergaele filmava “O auto da compadecida em Cabaceiras, interior da Paraíba, e o ator presenciou uma cerimônia religiosa na casa de uma família, que oferecia seu terreno para a celebração do milagre de sua filha, que havia desaparecido, mas enviado seu vestido após muitas preces.

Sinopse

Há 20 anos uma pequena população ribeirinha do alto Amazonas comemora a Festa da Menina Morta. O evento celebra o milagre realizado por Santinho, que após o suicídio da mãe recebeu em suas mãos, da boca de um cachorro, os trapos do vestido de uma menina desaparecida. A menina jamais foi encontrada, mas o tecido rasgado e manchado de sangue passa a ser adorado e considerado sagrado. A festa cresceu indiferente à dor do irmão da menina morta, Tadeu. A cada ano as pessoas visitam o local para rezar, pedir e aguardar as "revelações" da menina, que através de Santinho se manifestam no ápice da cerimônia.


(Por Blog Dedo de Prosa)